O que achei do primeiro episódio de “Supermax”

Foto de cena de 'Supermax', mostrando participantes sendo observados por uma câmera

Embora só tenha sido divulgada na televisão este ano, a série “Supermax” já vem sendo alardeada nas redes sociais desde o fim do ano passado. Ao diversificar os seus investimentos no ramo de séries / minisséries, a Globo tem obtido bons resultados de crítica e audiência; isso contribui para que histórias novas e mais ousadas cheguem à televisão aberta, o que é o caso de “Supermax”. A estreia desta série foi na última terça-feira, mas ela ainda não conseguiu mostrar a que veio.

O primeiro episódio mostra a chegada dos participantes do reality show “Supermax” ao local onde ficarão enclausurados: uma prisão isolada, inspirada nos presídios americanos de segurança máxima. Diante do apresentador Pedro Bial (um exercício de metalinguagem com o ex-apresentador do BBB), os participantes descobrem que foram selecionados por terem sido formalmente acusados de algum crime, em algum momento da vida. Então, além da motivação financeira (o prêmio para o vencedor é de R$ 2 milhões), os candidatos terão a chance de resgatar a confiança da parcela da sociedade que os assiste.

Cena do primeiro episódio de 'Supermax', mostrando os participantes atentos às palavras de Pedro Bial

A dinâmica estabelecida mostra que o ganhador vai ser aquele que for melhor nas provas que garantem imunidade e controle das refeições, além de jogar com os “segredos” que cada concorrente tem. Já no primeiro episódio, os participantes iniciam uma prova de resistência, que se passa dentro de um container que vai esquentando com o passar do dia. Mas nada é o que parece. O primeiro episódio já dá indícios de que há algo de anormal naquele presídio.

Quando o episódio começou, a impressão era que se estava assistindo a um reality show mesmo, com direito a apresentação dos participantes. Como em um BBB, também houve brincadeiras entre os participantes e o Bial — em uma atuação bastante forçada. A própria interação entre os concorrentes foi bastante morna. O melhor momento do episódio foi quando teve início a prova de resistência, o que causou algum suspense. E, a partir daí, a série já começa a mudar o tom.

Todos os episódios da série, com exceção do final, foram disponibilizados na Globo Play na sexta-feira da semana passada. Como eu já assisti a todos, posso afirmar seguramente que a série tende a melhorar e tem tudo para se tornar um marco na história das séries da emissora. Talvez tivesse sido melhor uma estreia com episódio duplo, pois o segundo episódio é bastante diferente deste — e muito bom!

NOTA: 7 / 10

Cena do primeiro episódio de 'Supermax', mostrando os pés ensanguentados do padre

Comentários

Um comentário sobre “O que achei do primeiro episódio de “Supermax””

Deixe uma resposta