O que achei do filme “Tallulah”

Foto promocional do filme 'Tallulah'

A jovem Tallulah / Lu (Ellen Page) vive como uma nômade, viajando pelos EUA em sua van junto com seu namorado, Nico (Evan Jonigkeit). Cansado dessa vida, Nico discute com Lu e decide ir embora no dia seguinte, levando todo o dinheiro que tinham. Indignada, Lu vai até a casa dele em Nova Iorque na esperança de encontrá-lo, mas é recebida pela mãe dele, Margo (Allison Janney), que a informa de sua ausência. Ao entrar escondido em um hotel da cidade em busca de comida , Lu é abordada por Carolyn (Tammy Blanchard), uma mãe bastante desajustada. Ao cuidar do bebê de Carolyn, a pedido dela, Lu decide levá-lo embora e acaba batendo novamente à porta de Margo, alegando ter um filho de Nico. Margo a abriga e, pouco a pouco, as duas desenvolvem uma relação de amizade. Mas será que essa amizade vai resistir às mentiras de Lu?

Esta é a sinopse de “Tallulah”, filme que estreou com exclusividade na Netflix no fim do mês de Julho. É um combinação de situações surreais, que são apresentadas de forma fluida e natural, tornando a história do filme mais crível. O roteiro consegue contextualizar bem cada personagem, mas teria sido interessante conhecer um pouco mais do passado de Lu. O longa tem direção e roteiro de Sian Heder e foi inspirado no curta “Mother” (2006), também de Heder.

Foto promocional do filme 'Tallulah', mostrando Margo e Lu

O filme tem atuações muito consistentes, não só por conta do talento dos atores, mas também porque o roteiro desenvolve bem seus personagens. Ellen Page tem tanto carisma que torna compreensíveis as razões para os atos de sua personagem. Além disso, tem uma sintonia incrível com o bebê e faz ótimos improvisos. Allison Janney, conhecida por seu trabalho de comédia na série “Mom”, tem uma performance fascinante como uma mulher que está fora de seu eixo e que, aos poucos, vai se renovando. Uma curiosidade interessante é que as atrizes já trabalharam juntas no premiado filme “Juno” (2007). Tammy Blanchard desenvolve muito bem a sua controversa personagem, sem cair na caricatura. O filme ainda conta com as participações especiais de Uzo Aduba e Zachary Quinto.

A Netflix vem trazendo conteúdos originais com frequência e “Tallulah” é um grande acerto. O drama tem atuações muito boas e a história é bem cativante. Não seria surpreendente se surgissem indicações em premiações para as performances de Ellen Page e Allison Janney. Vamos torcer que os próximos filmes a serem disponibilizados pelo serviço tenham o mesmo nível deste drama.

NOTA: 8.5 / 10

>

Comentários

Deixe uma resposta